quinta-feira, 16 de julho de 2009

Prefeitura retoma Blumenau do Futuro

Se BNDES der aval ao pacote de obras, vias da cidade terão R$ 50 milhões

BLUMENAU - A prefeitura prepara um pacote de obras de recuperação e ampliação do sistema viário do município. O projeto Blumenau do Futuro, iniciado na gestão do ex-prefeito Décio Lima, será levado adiante pelo prefeito João Paulo Kleinübing. A previsão de investimento é de R$ 50 milhões. Em quatro anos, a prefeitura quer terminar a reurbanização da Beira-Rio, construir a Ponte do Badenfurt, terminar o prolongamento da Rua Humberto de Campos, construir uma passarela entre a Prainha e a Rua Itajaí e definir os corredores preferenciais para ônibus e ciclovias.

Terça-feira, ao lado do secretário de Planejamento, Walfredo Balistieri, Kleinübing protocolou no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) a documentação que especifica as obras. O BNDES se comprometeu a chamar a prefeitura em até 60 dias para novo encontro e assinatura da liberação do empréstimo. Balistieri avalia que nem todas as obras começarão em 2009. O projeto para corredores de ônibus e ciclovias tem mais chances de ser executado ainda este ano.

– A reurbanização da Beira-Rio também dá pra começar este ano. Acho que o projeto e a licitação ainda estão vigentes e poderíamos aproveitá-los – disse Balistieri.

O prefeito João Paulo Kleinübing explicou que o pacote de obras estruturais vai preparar Blumenau para o desenvolvimento econômico rumo à Região Norte da cidade. Na visão dele, as principais obras são o prolongamento da Rua Humberto de Campos, no Bairro da Velha, e a Ponte do Badenfurt que, segundo o prefeito, precisam ser entendidas em conjunto para fazer sentido.

– Só haverá crescimento da Região Norte se permitirmos isto. Estas obras irão garantir uma melhor estrutura ao município – salientou Kleinübing.

Câmara autoriza município a fazer empréstimos

A Câmara de Blumenau aprovou dois projetos de lei que autorizam a prefeitura tomar R$ 18 milhões emprestados de dois bancos de fomento. O primeiro vai possibilitar que o município financie R$ 15 milhões junto ao Badesc para obras de reconstrução em vias públicas danificadas pela catástrofe climática do ano passado. O segundo permite que a prefeitura recorra ao BNDES para ter outros R$ 3 milhões. Este dinheiro será aplicado na compra de maquinário pesado como caminhões, uma retroescavadeira e um caminhão para desentupir tubulação.

O município ainda corre atrás dos R$ 63,5 milhões do PAC Drenagem (veja tabela).

– Temos até 30 de julho para apresentar os projetos aos ministérios das Cidades e Integração Nacional – explicou Kleinübing.

Repórter Raffael do Prado, no SANTA

As obras - Blumenau do Futuro

- Ponte do Badenfurt
- Prolongamento da Rua Humberto de Campos
- Reurbanização da parte baixa da Avenida Beira-Rio
- Corredores preferenciais de ônibus
- Ciclovias
- Passarela entre a Prainha e Rua Itajaí

PAC Drenagem
- Recuperação da margem esquerda do Rio Itajaí-Açu, desde a Ponte de Ferro até a Prainha. O trecho receberá ciclovia, pista para caminhada e terá o leito do rio recuperado
- Recuperação das bacias hidrográficas do Garcia, Velha, Itoupava e Fortaleza, incluindo a dragagem dos ribeirões
- Recuperação da Rua 2 de Setembro e do Trevo do Sesi, na Rua Itajaí

Fonte: Fonte: prefeitura de Blumenau

1 comentário

LUCIANE disse...

Eu fico indginada como se fala e se age tão pouco sobre as moradias p/ os desabrigados, ou até mesmo p/ os que estão pagando aluguel.
Onde está as moradias os apartamentos, que temos direitos.
Será que vai ficar só no papel.

Postar um comentário